Glow News
Instagram Glow NewsYoutube Glow NewsTikTok Glow NewsFacebook Glow NewsTwitter Glow News
Famosos » POLÊMICA

Pastor André Vitor e pais da criança do vídeo da suposta situação de pedofilia se pronunciam sobre o ocorrido; assista

As imagens publicadas por Wesley Safadão viralizaram na manhã desta segunda-feira (26)

Redação Publicado em 26/07/2021, às 16h39 - Atualizado às 17h09

André Vitor, Rebeca, Bruno - Reprodução/Instagram
André Vitor, Rebeca, Bruno - Reprodução/Instagram

O pastor André Vitor se pronunciou pela primeira vez sobre as acusações que recebeu de pedofilia. André apareceu em imagens publicadas pelo cantor Wesley Safadão (que já foram apagadas), onde ele está atrás de uma criança, abraça ela e puxa a camisa para baixo da cintura após a menina se afastar dele.

Os pais da menina, Rebeca e Bruno, também falaram sobre o caso na mesma gravação e declararam apoio para André Vitor. O cantor e sua esposa, Thyane Dantas, saíram em defesa do pastor, que é amigo do casal.

"Que loucura eu ter que vir aqui fazer um vídeo como esse, mas vamos lá. Hoje eu acordei com uma notícia revoltante, absurda, indigna, que me embrulhou o estômago e fez com que quase eu vomitasse na tela diante das inverdades descabidas que eu li. Pegaram um vídeo totalmente fora de contexto, onde nós estávamos tendo um final de semana precioso, com amigos mais chegados que irmãos, e uma quase sobrinha minha, que é filha dos meus amigos que inclusive estão aqui comigo, agora", iniciou o pastor.

"Eu puxo a camisa porque eu travo uma luta contra a balança e em muitos momentos me sinto desconfortável com o meu peso. [...] Puxo a camisa pela questão do peso, não pela maldade que só os maldosos, que tem o demônio nos olhos, viram", afirmou.

A mãe da criança disse achar as acusações um absurdo:

"Eu acho isso um absurdo, acho isso inaceitável, porque o André é de dentro da nossa casa, ele é nosso irmão. Toda essa situação que ocorreu no vídeo, nós estávamos lá, nós estávamos perto. Estávamos brincando e pessoas maldosas tiram coisas de onde não existe".

O pastor finalizou o vídeo dizendo que irá acionar a Justiça contra aqueles que o acusam de pedofilia. 

Assista: