Glow News
Instagram Glow NewsYoutube Glow NewsTikTok Glow NewsFacebook Glow NewsTwitter Glow News
Famosos » Sonho de ser mãe!

Atriz famosa congela óvulos e revela sensação de “independência”

A atriz Paloma Bernandi, que sonha em ser mãe, congelou os óvulos para “potencializar as chances” de ter filhos

Redação Publicado em 07/07/2021, às 12h06

Reprodução
Reprodução

A atriz Paloma Bernardi, de 36 anos, revelou em entrevista à Quem, divulgada na quarta-feira, dia 7, que congelou óvulos recentemente porque sonha em ser mãe algum dia, mas neste momento ainda deseja focar no trabalho. Segundo ela, o ato a faz ter a sensação de “independência”.

"Meu desejo de ser mãe existe. É algo que eu quero viver, uma prioridade. Eu sou sempre superprogramada, organizada, planejada... e o tempo passando. Comecei a ficar preocupada com quando a maternidade aconteceria. Joguei para o universo e tive vários sinais. Faz um ano que venho pesquisando vários procedimentos, e conversei com uma vizinha que me apresentou os filhos dizendo serem os seus 'Frozens'", falou a atriz em tom de brincadeira sobre os bebês gerados pelo congelamento de óvulos.

O congelamento de óvulos é um procedimento no qual as células femininas da reprodução são captadas e colocadas em nitrogênio líquido, onde são congelados e armazenados em uma temperatura de 196ºC negativos. O processo é feito com o intuito de preservar os óvulos, que podem ficar congelados por cerca de 15 anos. Geralmente é feito em mulheres que desejam engravidar, mas querem postergar a maternidade, ou em mulheres que precisaram retirar os ovários por causa de alguma doença. 

Além de entrevistar a artista, o veículo também conversou com o médico responsável pelo caso de Paloma, o Dr. Matheus Roque, que garantiu que o procedimento é seguro e funciona como uma maneira de potencializar as chances de uma mulher engravidar. "Biologicamente, uma mulher deveria engravidar aos vinte e poucos anos, mas infelizmente a natureza não acompanha o avanço da sociedade. As mulheres deixam para engravidar mais tarde devido a todas as suas conquistas. Naturalmente as chances de gravidez vão caindo, principalmente após os 35 anos. Quando ela está preparada para a maternidade em termos profissionais e de maturidade, a natureza reduz as chances dela com riscos. A medicina reprodutiva é um grande avanço para a mulher. Os óvulos são dela, que dão total autonomia a ela. É como tirar um peso, uma responsabilidade a menos.", disse o especialista.

A atriz, que namora Dudu Pelizzari há três anos, contou estar tranquila e certa de sua decisão. "Potencializar as chances de ter meus filhos me deixa mais tranquila, principalmente por ser de uma maneira saudável. Me traz uma independência. Antigamente a prioridade da mulher era casar, ter filhos e cuidar da casa. Hoje temos outras prioridades profissionais e coisas à frente, mas isso não anula meu desejo de ser mãe. Só vou jogar mais para frente. Na hora certa isso vai acontecer", revela Paloma.

Veja uma das publicações do casal: