Glow News
Instagram Glow NewsYoutube Glow NewsTikTok Glow NewsFacebook Glow NewsTwitter Glow News
Comportamento » Excesso de preenchimento

Como evitar exageros na harmonização facial?

O Glow News conversou uma dermatologista para entender o porquê acontecem os excessos na hora de usar preenchedores

Bárbara Blanco Publicado em 20/05/2021, às 19h14

Imagem Como evitar exageros na harmonização facial?

Com certeza você já ouviu falar em harmonização facial. O procedimento se tornou muito popular especialmente entre os famosos. Na busca pela perfeição, algumas celebridades recorrem ao tratamento e aparecem com o rosto muito diferente. Esse é o caso da Gabi Martins, cantora e ex-bbb que recentemente se tornou alvo de ataques dos internautas após mostrar o resultado do seu procedimento.

Gabi Martins
Foto: antes e depois da cantora Gabi Martins, que passou por uma série de procedimentos estéticos

Para explicar o tratamento e o porquê acontecem os excessos na hora de usar preenchedores, a dermatologista Ana Letícia Machado concedeu uma entrevista exclusiva ao Glow News.

A especialista explicou que o intuito da harmonização facial é o embelezamento e rejuvenescimento. Alguns dos procedimentos feitos visam levantar a ponta do nariz, aumentar os lábios, preencher as olheiras, fazer efeito de lifting e melhorar o contorno do rosto. O ideal é que sejam feitas mudanças sutis e favoráveis aos traços do paciente com leveza e harmonia. Porém, elas podem ter o efeito reverso se não forem feitas com cautela.

“Procurar melhorar a imagem não é problema, todos devemos buscar a melhor versão de nós mesmos. O problema é que muitas pessoas não se enxergam como são. Isso é o distúrbio de imagem. A pessoa é de uma forma e se enxerga de outra. Normalmente é aí onde acontecem os exageros, que deixa de ser bonito e passa a ser feio”, explica Ana Letícia. A partir do momento em que a harmonização se torna exagerada, ela deixa de ser positiva, pois não traz o seu melhor, apenas muda a sua identidade e feições.

No caso das celebridades, esse processo se torna mais complexo devido à pressão estética que enfrentam nas redes sociais. Por estarem sempre expostas ao público, acabam sofrendo críticas e ofensas diárias, o que faz muitas delas quererem mudar e se enquadrar nos padrões de beleza, recorrendo a uma harmonização que não precisam ou não querem. Por isso é importante ter o acompanhamento de um médico capacitado e alinhado com as suas expectativas, que irá avaliar se, de fato, você precisa passar por tal procedimento. “Cada pessoa necessita de tratamento individualizado. São feitas análises específicas que indicarão o que cada pessoa precisa. Quem deve guiar é o profissional”, reforça a dermatologista.


Gostou? Acompanhe mais dicas da Doutora Ana Letícia Machado no Instagram: @analeticiadermato

Ana Letícia
Foto: doutora Ana Letícia Machado durante procedimento estético (@analeticiadermato)