Glow News
Instagram Glow NewsYoutube Glow NewsTikTok Glow NewsFacebook Glow NewsTwitter Glow News
Comportamento » Culpada!

Atriz internacional é condenada a três anos de prisão por participação em culto sexual

A atriz participou do grupo criminoso NXIVM, que escravizava e aliciava mulheres

Redação Publicado em 30/06/2021, às 16h09

Lucas Jackson/ Reuters/VEJA
Lucas Jackson/ Reuters/VEJA

A atriz Allison Mack, que interpretou a personagem Chloe Sullivan na série de sucesso “Smallville'', foi condenada nesta quarta-feira (30) por participação no culto sexual NXIVM, que escravizava e aliciava mulheres para o líder da seita, Keith Raniere. Segundo informações do site Vulture, Allison foi condenada a uma pena de três anos de prisão pelos crimes de extorsão, trabalho forçado e conspiração.

A seita criminosa NXIVM foi descoberta pela polícia norte-americana em 2017. O grupo secreto marcava mulheres a laser e as entregava como escravas sexuais ao líder Raniere, que foi preso e condenado na época a 120 anos de prisão. Allison foi acusada de ser uma das cabeças do grupo. Ela se declarou culpada dos crimes e esteve esperando esse tempo todo a sua sentença em liberdade após pagar uma fiança de cerca de 28 milhões de reais.

Allison falou pela primeira vez sobre o caso recentemente em uma carta ao site The Hollywood Reporter, em que pedia desculpas pelas suas ações, afirmando que na época realmente acreditava nas falas de Keith. "Agora, é de suma importância para mim dizer, do fundo do meu coração, eu sinto muito. Eu me joguei nos ensinamentos de Keith Raniere com tudo que eu tinha. Acreditava, de todo o coração, que sua orientação estava me levando a uma versão melhor e mais iluminada de mim mesma. Dediquei minha lealdade, meus recursos e, em última análise, minha vida a ele. Este foi o maior erro e arrependimento da minha vida", afirmou.

Ela conclui pedindo desculpas às mulheres que envolveu na seita: "Eu sinto muito a vocês que eu trouxe para a Nxivm. Eu sinto muito por ter exposto vocês aos esquemas nefastos e emocionalmente abusivos de um homem perturbado. Eu sinto muito que encorajei vocês a usar seus recursos para participar de algo que era no fim tão feio. Eu não assumo levianamente a responsabilidade que tenho nas vidas daqueles que amo e sinto um peso pela culpa de ter usado sua confiança de maneira errada, guiando vocês a um caminho negativo".