Glow News
Instagram Glow NewsYoutube Glow NewsTikTok Glow NewsFacebook Glow NewsTwitter Glow News
Comportamento » Feminicídio ou acidente?

Apresentadora brasileira morre ao cair do 12º andar e família suspeita de namorado

Nayara Vit, de 33 anos, morreu após a queda. A família suspeita de Rodrigo Mijac, namorado da jovem que estava no local no momento na hora do despencamento

Redação Publicado em 13/07/2021, às 11h40

Reprodução
Reprodução

A modelo e apresentadora brasileira Nayara Vit, de 33 anos, morreu na madrugada da última quinta-feira, dia 8, ao cair do 12º andar de um prédio no Bairro Las Condes, em Santiago, no Chile. A jovem ficou conhecida no país por participar do programa Toc Show, no ar desde 2013, do canal televisivo TV+. Ela era natural de Cuiabá, no Mato Grosso, mas morava no Chile há 16 anos.

O irmão da modelo, Guilherme Vit, disse em entrevista ao "Campo Grande News" que a família descarta o suicídio e pede uma “investigação rigorosa” sobre o caso. Ainda segundo ele, o depoimento do namorado de Nayara, o executivo Rodrigo Del Valle Mijac, diretor de uma empresa de tecnologia em Santiago, é contestável.

Nayara estava divorciada do ex-marido há oito meses, com quem teve a filha de quatro anos, e vinha se relacionando com Rodrigo desde então. O executivo afirma que estava sentado na sala quando a jovem passou correndo e se jogou da sacada do apartamento no 12º andar.

Para Guilherme, a morte seria muito suspeita. Ele relatou que a babá da filha da apresentadora estava no apartamento no momento e afirmou ter ouvido um grito de Nayara antes da queda. Guilherme também contou que havia um vaso de planta quebrado ao lado do corpo da jovem, o que poderia significar, de acordo com ele, que ela teria caído durante uma suposta briga do casal.

A família de Nayara contratou um escritório de advocacia para acompanhar a investigação. Agora, a polícia estaria aguardando o resultado da autópsia da modelo. Até então, ninguém foi preso pela morte da jovem.

O velório acontece nesta terça-feira, dia 13, no Chile, mas a mãe da jovem já falou que esperará as investigações acabarem para conseguirem cumprir o desejo de Nayara: "Estamos em tratativas com o Itamaraty, pedindo ajuda para que solucionem este caso o mais breve possível para que assim possamos trazer o corpo de Nayara ao Brasil e realizar o seu pedido de ser cremada e suas cinzas jogadas ao mar".